| 

Agrestina

Exposição Lixo que vira Arte de artista agrestinense leva lição de sustentabilidade à estudantes

O artista agrestinense que vem ganhando grande notoriedade na mídia por seu trabalho de sustentabilidade ambiental, Valmir Reginaldo, apresentou uma exposição intitulada “Lixo que vira Arte” no Colégio Fazer Crescer, que teve início no dia 25 de maio e será aberta ao público a partir de hoje (5), em virtude do Dia Mundial do Meio Ambiente.

Além da exposição com 14 obras assinadas por Valmir, foi realizada uma palestra no início do evento para falar sobre o processo de criação e execução de seu suas obras. Estudantes do 3° ano do ensino fundamental ficaram encantados com o trabalho do artista, “É inacreditável! Está tudo perfeito, o leão, o robô, o cavalo, o elefante. Eu gostei de tudo, mas o mais legal é que ele transforma sucata em arte”, disse o estudante de oito anos de idade, Júlio Henrique Alves.

Apesar de sua marcante presença nos eventos deste segmento no agreste pernambucano, esta foi a primeira vez que Valmir falou para estudantes, “As crianças e os jovens são o futuro do planeta. A consciência de preservar o meio ambiente tem que vir deles”, disse. Valmir ainda afirmou que a próxima obra já está sendo planejada e será um personagem do filme Transformers, com mais de três metros e movimentos.

Fotos: Divulgação